Header Ads

header ad

Ana Paula Petry abre vagas para novo Grupo de Apoio Materno em Itajaí

Em meio aos compromissos profissionais, a lida com a casa e a correria com os filhos pequenos, elas se esquecem de resgatar a mulher que ali existia antes da maternidade. Um momento de pausa na agenda é imprescindível para a saúde mental, seja em uma meditação diária ou com a ajuda de uma rede de acolhimento. Pelo menos é o que acredita a psicóloga de mães Ana Paula Petry, que acaba de abrir vagas para a terceira turma de seu Grupo de Apoio Materno em Itajaí.


O propósito, segundo a psicóloga, é trazer uma maternidade mais leve e com menos culpa, além de gerar auto confiança e tranquilidade na hora de maternar. “E como vivenciar esta fase tão intensa da vida sem se anular ou esquecer quem você era antes de ter filhos? O grupo de apoio traz estas e outras questões para a roda de conversa, através de um trabalho guiado especialmente para mães em diferentes fases da vida”, observa.

Com um total de 12 encontros quinzenais (aos sábados) a partir do dia 9 de março, o grupo vai trabalhar temas relevantes ao dia a dia da maternidade. “O objetivo principal é treinar estas mães para serem o que querem ser e não mães perfeitas e idealizadas”, explica Ana Petry, que também é idealizadora do Gestando e Aprendendo, movimento com quase três anos de interação nas mídias sociais.

Para participar do Grupo de Apoio Materno, basta ser mãe. A proposta surgiu como uma extensão do trabalho que a psicóloga já realiza diariamente no seu consultório, com o objetivo de levar mais saúde emocional às mulheres, com menos culpa e auto cobrança. “Mães felizes e confiantes trazem mais harmonia às suas vidas e cuidam melhor de seus filhos. Este é um grupo para se reconstruir como pessoa, mãe e companheira”, detalha.

Para informações sobre valores, datas e horários, basta entrar em contato pelo Whatsapp (47) 99172-5620 com Ana Paula Petry.



Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.