Header Ads

header ad

Maior Festival Escola do país movimenta economia em Santa Catarina

Considerado o Festival de Música erudita do país, o Femusc 2017 conta com mais de 300 alunos e 40 professores de 20 países. Além de proporcionar a cultura e o aprendizado, o evento gera 450 empregos diretos e indiretos e movimenta cerca de R$ 7 milhões na economia catarinense.

Até o dia 4 de fevereiro, Jaraguá do Sul e região recebem apresentações diárias em praças, shopping, teatros, paróquias e até hospital.

Ao todo, são 200 espetáculos, desde grandes concertos até apresentações específicas de violão e piano. O Festival foi criado em 2006 pelo maestro-oboísta Alex Klein, com o intuito de qualificar, democratizar, popularizar e internacionalizar o aprendizado de música erudita no Brasil.

Para isso, o Femusc recebe novamente o apoio da iniciativa privada e entre as empresas, conta com a parceria da Gomes da Costa, com o objetivo de promover o desenvolvimento do ensino musical de jovens talentos. “Para a Gomes da Costa é um orgulho proporcionar acesso à cultura e projetos importantes para a região, como o Festival de Música de Santa Catarina, que gratuitamente democratiza o acesso à música clássica no estado”, ressalta Rochelli Kaminski, diretora de RH da GDC Alimentos, que há dois anos participa do Femusc.

O público poderá assistir às apresentações de músicas como a ópera A Flauta Mágica, de Wolfgang Amadeus Mozart, The Turn of the Screw, de Benjamin Britten, entre outros grandes nomes.

A programação completa do Femusc está disponível no site www.femusc.com.br.

Tecnologia do Blogger.